domingo, 4 de janeiro de 2009

O PRIMEIRO PASSEIO DO ANO E DAS DOCAS.


Este foi o primeiro passeio do ano e da nova era da concentração no Centro Cívico, vulgo "Docas" e o meu primeiro Post, vamos ver como fica.

Apareceram 8 amigos do pedal, acompanhados como alguém já lhes chamou das suas amantes. Assim marcaram o ponto, no novo local de encontro dos Domingos, Filipe, Nuno Dias, Jorge Palma, Fmike, João Valente, Rui Lourenço, Agnelo e eu (Abílio Fidalgo).



Como nem tudo podia mudar, porque poderíamos estranhar, o Agnelo mais amigo da cama, foi o último a chegar, desta vez escapou-se dos cafés, mas também já tinha uma tarefa para cumprir, guiar-nos pelos belos trilhos, que para mim grande parte deles eram novos. Pena é que o Marcelo e outros colegas de profissão os andem a "estragar".

Saímos em direcção ao Modelo, para entrarmos em terra a seguir ao cruzamento de Cafede.




Fomos tomar café ao Salgueiro, fizemos uma incursão nuns trilhos da Rota do Gaio. Peço desde já desculpa ao Rui por ter ficado cortado na fotografia.




Descemos do Palvarinho para o ribeiro Tripeiro umas descidas rápidas, que criaram uma certa adrenalina no pessoal. Nada melhor para arrefecer os ânimos, que molhar o pézinho.





Depois foi uma subida daquelas em que ninguém fala, não sei porquê. Porque será que nessas alturas, nunca há assunto de conversa e vão todos de boca aberta. Apreciem bem a foto que se segue. Afinal também faz percurso pedestre. Quem é ele? Conhecem-no? Esta vale dinheiro.

Depois da subida para os Pereiros, seguiram-se uns trilhos espectaculares em direcção a Vilares de Baixo. Mais uma descida para a Ocreza, e a adrenalina a subir novamente. Como não há uma sem duas, vai de molhar outra vez o pezinho. Desta vez foi quase até ao joelho. Que jeitão me deram as meias sealsink, aquelas que alguém chamou de galochas.



O Filipe e o Agnelo ainda tentaram atravessar a pedalar, mas o cascalho quase que os mandava ao charco por inteiro.


Há outros que tratam as "amantes" como deve ser, não as deixam molhar os rastos podem constipar-se.




Ainda houve tempo para molhar o bico na Taberna Seca, que afinal não está assim tão seca, pelo menos Sagrespam tinha, e por alguma escrita em dia, não tivéssemos nós acabado mais uma subida.

Subimos o Monte da Barreira e entrámos em Castelo Branco por volta das 13 horas pela Cova do Gato, onde se começou a dividir o pessoal.

Foram cerca de 50 Km de belos trilhos, boa companhia e boa disposição. Faltaram alguns dos habituais aos Domingos, não sei se por se terem esquecido da mudança de Ponto de Encontro, se por outros contratempos, mas estamos a contar com eles no próximo Domingo Nas Docas. Apareçam e até lá pedalem muito.

Para ver as fotos todas clique no Link em baixo http://picasaweb.google.pt/abilio.fidalgo/PrimeiroPasseioDoAnoEDasDocas?feat=directlink

6 comentários:

Agnelo disse...

Pois, por acaso o gajo até é amigo da cama, e ainda por cima adormeceu à 02h e quando ia a sair com a bike reparou que a mesma não tinha pedais, tendo que "furtar" os da bike da patroa.

Para primeiro post não está nada mal, pena as imagens não permitirem apliação.

Já agora, a ribeira do Tripeiro levava água comó raio. Era o OCREZA toné... essa ribeira penso que foi a que se cruzou a subir para Caféde.

Abraço
AQ

Rui Lourenço disse...

Parabéns pelo post!
Acho que é uma boa descrição desta primeira jornada de 2008, que foi espectacular, especialmente pela beleza do percurso!
Não posso é gostar da reportagem fotográfica! É melhor aranjares uma máquina maior, onde caibam os maiores BTTistas!
Abraço

Filipe Salvado disse...

Boa reportagem!
Para uma primeira vez está muito bem. Foi uma volta com vistas lindíssimas a que o tempo hoje tb ajudou com o sol a aparecer depois de tantos dias de chuva.
Bons trilhos,paisagens lindas,muita agua,sol,boa disposição e camaradagem.
Nada melhor para começar o ano 2009 a pedalar!

Um abraço

Filipe

NunoDiaz disse...

muito bem xôr inginheiro.... muito bem.... hehehe, está muito bom, já foste nomeado "trovador" oficial do "GACCB"

FMicaelo disse...

O Sr. Presidente do GACCB afinal tem jeito para a escrita! Até parece um escriba de Tebas! O "papiro" é que se molhou na águinha! Eheheheh Excelente repostagem sr. Fidalgo!

Marcello Silva disse...

Sim senhor muito, mas mesmo muito bonito ver o pessoal com as patinhas molhadinhas, quanto á reportagem tá muito, mas mesmo muito mal feita nem fotografias de sagrespan nem tremoços nem aperitivos mas será que os meus preciosos ensinamentos não deram em nada ? onde é que está o espirito do GACCB ? Bom por esta passa mas que não volte a acontecer

Um Bom Ano a todos